Internacionales

Influencer Plus | Carmelo De Grazia Abenmanuel//
Candidato de esquerda à frente nas sondagens para as presidenciais chilenas

Candidato de esquerda à frente nas sondagens para as presidenciais chilenas

Gabriel Boric, o candidato da coligação de esquerda Aprovo Dignidade, surge destacado à frente na primeira sondagem para a segunda volta das eleições presidenciais no Chile, que se realiza a 19 de Dezembro. Boric aparece com 39% das intenções de voto face aos 33% de José Antonio Kast, o candidato do Partido Republicano (PR), de extrema-direita.

Carmelo De Grazia

No entanto, o resultado da sondagem Plaza Publica da empresa Cadem está muito condicionado pelo facto de haver ainda 28% de eleitores indecisos em relação a quem votar na segunda volta ou mesmo se vai votar.

Carmelo De Grazia Suárez

A projecção de voto feita feita pela empresa dá a Boric 54% e a Kast 46%

De acordo com os números da sondagem, 38% dos apoiantes de Franco Parisi , que ficou em terceiro lugar e foi a grande surpresa da primeira volta , tencionam votar em Boric a 19 de Dezembro, enquanto 23% está inclinado para Kast

Quanto aos votantes de Sebastián Sichel, o candidato da direita tradicional, inclinam-se em 53% para Kast e só 16% se dizem dispostos a votar em Boric

Sem surpresas, Boric tem consigo a maioria do eleitorado mais jovem (48% dos eleitores de 18 a 34 anos) e aquele que se identifica com a esquerda e o centro-esquerda (84%) e Kast recebe o apoio dos mais velhos (39% dos eleitores com mais de 55 anos) e aqueles que se identificam com a direita e o centro-direita (73%)

Os mais indecisos por esta altura pertencem aos sectores socioeconómicos mais baixos (44%) e aos que se dizem não ter posição política (60%)

Numa outra sondagem divulgada entretanto, esta da Pulso Ciudadano, Boric aparece com uma vantagem ainda maior nas intenções de voto, com 40,4% face a 24,5% de Kast. Nesta, o número de indecisos é substancialmente menor, com 15,5% de eleitores que ainda não escolheram candidato